Leia também!

Microsoft lança plataforma para promover o uso de Minecraft como ferramenta de educação

Minecraft é um game de criação que não para de surpreender com as funções cada vez mais inusitadas que encontram para o game e, se o jogo já está sendo usado até para fazer "pixel art", por que não levá-lo para as escolas? Educadores como Sara Kaviar já estão usando o game como uma ferramenta pa...

Ler Notícia Completa

Professor brasileiro é premiado em programa para educadores da Microsoft

Um professor brasileiro Francisco Tupy foi premiado pelo programa Educator Exchange, promovido pela Microsoft e realizado em Seatle (EUA) no último mês. O evento reuniu educadores de todo o mundo com o objetivo de promover o uso da tecnologia na didática das escolas. O projeto do brasileiro pas...

Ler Notícia Completa

Jogo de videogame foi a primeira coisa programada por Zuckerberg

Comemorando seus 31 anos, Mark Zuckerberg participou ontem de uma sessão de perguntas e respostas com funcionários do Facebook e até seus pais. Durante a conversa, o CEO defendeu do uso de videogame para crianças. "Eu definitivamente não teria conseguido crescer na programação se não tivesse jo...

Ler Notícia Completa

Notícia - Falando Sério

Sonho: escola pública da Noruega anuncia aula de eSports para ensino médio

É bem possível que haja fila para a matrícula na escola pública de ensino médio Garnes Vidaregåande Skole, na Noruega. Isso porque, a partir de agosto de 2016, os estudantes de lá agora terão a opção de entrar em uma disciplina de e-sports.

A aula é optativa e coloca a especialização em games competitivos no mesmo nível de futebol e outras práticas esportivas. Ao todo, são cinco horas por semana durante um programa que dura três anos letivos.

Só que a aula não vai ser a moleza que você está pensando: ou seja, nada de jogar o dia inteiro. Os estudantes serão divididos em duas turmas de 15 alunos e, enquanto uma pratica nos games, a outra realiza um treino físico otimizado para games e trabalhos específicos. Serão ensinadas técnicas de nutrição, estilo de vida e aprimoramente de reflexos, força e resistência.

Aula dos sonhos

Equipamentos top de linha serão utilizados como "material escolar": processador Intel Core i7, monitor com G-Sync, cadeiras Akracing e placas de vídeo NVIDIA GeForce GTX 980Ti. A única necessidade é que cada estudante leve o seu próprio headset, teclado e mouse.

Segundo o diretor do Departamento de Ciências da escola, Petter Grahl Johnstad:, dois jogos serão oferecidos no primeiro ano. Dota 2, League of Legends, Counter-Strike: Global Offensive estão entre as possibilidades, mas os títulos não foram escolhidos.

Por enquanto, não há qualquer indicação de como serão as aulas, que tipo de ensino será realizado ou se o treino é direcionado para competições. Até agora, nem mesmo os professores foram escolhidos.


Compartilhe essa notícia

Sonho: escola pública da Noruega anuncia aula de eSports para ensino médio

É bem possível que haja fila para a matrícula na escola pública de ensino médio Garnes Vidaregåande Skole, na Noruega. Isso porque, a partir de agosto de 2016, os estudantes de lá agora terão a opção de entrar em uma dis...[clique e leia na íntegra]